SÁVIO SOARES

Cinema e música.

As primeiras divas do cinema surgiram na Itália.


 O divismo ou estrelismo nasceu em 1912, com o aparecimento de atrizes italianas. Bem antes das conterrâneas, e também divas, Claudia Cardinalle e Sofia Loren, tivemos Francesca Bertini, Lyda Borelli, Pina Menichelli, além de outras que colocaram o cinema italiano à frente dos demais. (Verdade. O cinema italiano superou Hollywood naquele período)

Naquela época o cinema estava aprendendo a dar os primeiros passos para tornar-se uma poderosa indústria do entretenimento. Iniciava-se a era das grandes divas. Depois vieram Greta garbo, Hedy Lammar, Elizabeth Taylor, Ava Gardner e tantas outras. Trata-se de uma época em que tudo girava em torno da personalidade da estrela. A sua origem era, de propósito, envolvida num véu de mistério, criavam lendas absurdas e todos acreditavam.

Pina menichelli – De origem siciliana, a diva tinha uma beleza que impressionava.

 

Lyda Borelli era filha de atores teatrais. Tornou-se a mais famosa atriz dramática italiana.

 

Francesca Bertini – Além de diva era uma siciliana típica, de sangue forte.

Com o surgimento das revistas sensacionalistas e maior curiosidade de fãs e admiradores, tornou-se um filão lucrativo. A partir daí, acabou o sossego e o glamour foi quase (digo “quase” porque ainda acredito no poder do cinema que me encanta e me emociona) totalmente destruído, pois descobriram que muitos tinham um lado humano demais, parecido demais, com a vida de qualquer pessoa. No livro “Câmera, Ação! – Fascinante História do Cinema” de J.Pereira, em certo trecho, o autor diz diz o seguinte:

O diretor, a história e outros fatores que devem contribuir para o valor da obra existiam como mero satélites obscuros na órbita da estrela. A auto-exaltação, o extremo luxo, a ociosidade e os desejos que fogem à regra do bom senso eram, em linhas gerais, os requisitos necessários para ser uma diva.

A rivalidade entre Francesca Bertini e Pina menichelli foi para a imprensa da época um prato cheio. Pina tinha um gênio fortíssimo e Francesca não ficava muito atrás. A animosidade entre as duas divas culminou com uma cena de pugilato entre as duas, devido ao lançamento simultâneo de suas respectivas versões de “A Dama das Camélias”, na noite de 18 de junho de 1915.

O poder que tinham as divas naquela época chegava a ser absoluto e reinavam com o despotismo de um senhor feudal.

Anúncios

01/12/2010 - Posted by | Uncategorized |

1 Comentário »

  1. ué! cade a lollobrigida, que tanto sucesso fez no mundo?

    Comentário por vlma | 05/12/2012 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: